Eventos especiais

A partir de 1984, com as primeiras irmãs que iniciaram juntamente com p. Pancrazio a experiência de ‘Casa Betânia’, começam a emitir-se, em forma privada nas mãos do bispo, os votos temporários de pobreza, castidade e obediência: a aventura transformava-se numa nova forma de vida consagrada na Igreja.

Em 1989 a Fraternidade teve momentos de luto e ao mesmo tempo de graça quando da morte de duas de nossas irmãs: a primeira delas foi Ada – que havia se oferecido pela santificação dos sacerdotes, faleceu vitima de um derrame cerebral, a segunda – Floriana – que faleceu por um tumor após longo calvário de sofrimento, oferecendo-se totalmente ao Senhor e pedindo-lhe em especial a graça de abençoar a Comunidade com muitas vocações … e o Senhor ouviu suas preces e ainda hoje continua abençoando nosso Instituto com inúmeras e jovens vocações.
A partir de 1991 tiveram início as emissões de votos perpétuos de consagração.

Em 6 de dezembro 1992 os irmãos e irmãs consagrados vestiram pela primeira vez o hábito religioso da Fraternidade: o hábito cinza-azulado nascido da união entre essas duas cores que juntas expressam nossa espiritualidade mariana e franciscana. Esse dia tão importante tornou-se ainda mais especial devido a presença do bispo, o Servo de Deus Mons. Antonio Bello que, apesar do grande sofrimento causado pela doença que em pouco tempo o teria levado à morte, aceitou com alegria o convite para doar-nos de suas próprias mãos aquele habito durante a Celebração Eucarística.